31/05/2019

Visitação da Virgem Maria

Hoje, dia 31 de maio, celebramos a Festa litúrgica da Visitação de Nossa Senhora à sua prima Santa Isabel.

O Anjo anunciara à Virgem Maria coisas misteriosas. Para fortalecer sua fé com um exemplo, anunciou-lhe a maternidade de uma mulher idosa e estéril, como prova de que é possível a Deus tudo o que Ele quer.

Logo depois de ser avisada pelo anjo Gabriel de que sua prima Isabel,apesar da idade avançada, esperava um filho, Maria dirigiu-se à cidadezinha onde residia a futura mãe de São João Batista. Tal viagem, de cerca de cem quilômetros através de região montanhosa, não estava isenta de fadigas e perigos, porém a Virgem Santíssima caminhava alegremente, não apenas pelo desejo de auxiliar a parenta, mas também porque sabia que tinha dentro de suas entranhas o Filho de Deus, o Salvador do Mundo.

Trazendo Jesus em seu seio, ela ia levar a graça à família do sumo sacerdote Zacarias, tornando-se assim, desde então , por vontade de Deus, a medianeira de todas as graças.

No primeiro instante em que Maria saudou a prima, Santa Isabel cheia do Espírito Santo, respondeu-lhe: –“Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre!” e, ao sentir o filho exultando em seu seio, continuou: –“De onde me vem a honra de receber a visita da Mãe do Meu Senhor?” Então, Maria não sabendo mais conter alegria que transbordava em seu coração desde a Anunciação, respondeu-lhe com as belíssimas palavras do “Magnificat”:“Minha alma glorifica o Senhor e meu espírito exulta de alegria em Deus meu Salvador”,profetizando em seguidaque todas as gerações a chamariam de Bem-aventurada. Maria passou cerca de trêsmeses na casa de sua prima auxiliando-a em todos os serviços.

Nossa Senhora neste dia, quer também nos visitar. Quer estar junto de nós, nos ajudando em tudo o que necessitamos. Ela entra como Mãe amorosa que é, vê nossas aflições e angústias, nossas alegrias e conquistas.

Não permitamos, porém que Ela seja somente mais uma visita, mas sim nossa Mãe. Ela deseja permanecer em nossa casa, participar da nossa família.Se atualiza hoje, o que Jesus nos disse no alto da cruz ao olhar sua Mãe e o discípulo João:“Mulher, eis o teu filho! Depois disse ao discípulo: “Eis a tua Mãe.”diz-nos as escrituras que “A partir daquela hora, o discípulo a acolheu no que era seu.” (Jo,9.26-27)


Que possamos acolher a visita da Mãe, pois tudo muda com Sua presença. A tristeza dá lugar à alegria, como aconteceu com Isabel, que, ao receber a visita de Nossa Senhora, ficou cheia do Espírito Santo, assim como a criança em seu ventre.

Rogai por nós, Santa Mãe de Deus, para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Amém!