30/10/2020

Solenidade de Todos os Santos

Solenidade de todos os Santos

Com o coração em festa, celebramos no dia 1º de novembro a Solenidade de todos os santos!

Contemplar a santidade de vida dos heróis da fé, deve ser para nós motivo de esperança! Pois, por muito tempo acreditou-se, dentro e fora da Igreja, que o caminho de santidade era somente para algumas almas escolhidas. Todavia, o Concílio Vaticano II refutou este pensamento e declarou que todos são chamados a viver a “vocação universal a santidade”.

Sim, todos nós somos chamados a perfeição cristã! Além do mais, a Palavra diz, “Esta é a vontade de Deus: a vossa santificação”. (1 Tessalonicenses 4,3)

Desde os primeiros séculos os cristãos praticam o culto dos santos. Contemplar a sua vida, testemunho e ensinamentos eleva o nosso olhar para o Alto, nos direciona para Deus. Além disso, cremos com toda a Igreja, que os santos são nossos amigos celestiais, e intercedem por nós, alcançando-nos inúmeras graças.

Como nos ensina São Bernardo de Claraval:  “Para que louvar os santos, para que glorificá-los? Para que, enfim, esta solenidade? Que lhes importam as honras terrenas? A eles que, segundo a promessa do Filho, o Pai celeste glorifica? Os santos não precisam de nossas homenagens. Não há dúvida alguma, se veneramos os santos, o interesse é nosso, não deles”.

Vale a pena ressaltar que, a Igreja não adora os santos, mas os venera. O intuito, portanto, não é colocar os santos no lugar de Deus, mas recorrer a eles para estar mais próximo de Cristo!

Se estes homens e mulheres alcançaram um pleno amor a Deus nesta terra, por que não seguir os seus exemplos e recorrer ao seu auxílio?

Que possamos então, aproveitar esse dia especial para contemplar os frutos de santidade da nossa Igreja, e recorrer a intercessão dos santos em nossa peregrinação rumo a Pátria Celeste!

Todos os Santos de Deus, rogai por nós!