25/01/2020

Conversão de São Paulo

Celebramos a conversão de  São Paulo Apóstolo, que o levou a mudar não apenas o próprio nome, mas o rumo de sua história de vida: de Saulo de Tarso, tornou-se Paulo de Cristo, o grande apóstolo dos gentios.

Paulo era judeu, descendente da tribo de Benjamim, totalmente enraizado nas tradições judaicas. Ele estudou em Jerusalém, na escola de Gamaliel, onde conheceu a existência dos cristãos e tornou-se inimigo dos seguidores de Cristo

Porém, mesmo perseguindo os cristãos, acreditava estar fazendo o certo, seguindo as leis da tradição judaica. Assim, colocou-se a serviço do império romano e recebeu autonomia para identificar, perseguir, prender e matar todos os que professavam a fé em Jesus de Nazaré.

Um dia, a caminho de Damasco, Paulo tem umencontro pessoal com o Ressuscitado. A luz que o atinge faz com que ele caia por terra, e uma voz fala forte dentro de si: “Saulo, Saulo, porque me persegues?”. Neste momento ele faz uma profunda experiência de encontro com Cristo e a partir daquele momento se abre para a fé, impondo a si mesmo a missão de Anunciar o Evangelho com a própria vida“Ai de mim se eu não pregar o Evangelho” (1Cor 9,17).

Através da vida de São Paulo, podemos perceber a misericórdia do Senhor, que não apenas vai ao encontro deste pecador, mas transforma sua vida por inteiro. O Senhor deseja também realizar transformações profundas em nosso íntimo e revestir-nos do verdadeiro amor para que correspondamos ao Seu chamado.

Celebrar a Conversão de São Paulo é celebrar o chamado que Jesus faz a todos nós: anunciarmos o Evangelho a todos os povos, através de nossas atitudes! Ele nos convida a mudarmos a direção de nossas vidas e a fazer do Evangelho a luz e o foco dela!

São Paulo Apóstolo, rogai por nós!