Dia 25 de novembro: dia do Cristo Rei

Com a celebração da Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo, encerra-se o Ano Litúrgico. Ela foi criada em 1925, pelo Papa Pio XI para celebrar Jesus como o Rei de tudo e de todos e nos recordar que somos parte do Seu Reino- diferente do mundo que vivemos.

Assim, somos convidados a meditar o mistério de sua vida, sua pregação e o anúncio do Reino de Deus.

Apesar de o nome ser “Cristo Rei”, tratamos de um rei diferente dos que estamos acostumados a ver. Riquezas, palácios, exércitos não são elementos que servem para exaltar a entrega de Jesus por nós. Ele não é o rei da riqueza e do poder, mas o rei da paixão, do amor.

Quando Pilatos questiona se Jesus é o rei dos judeus, recebe a seguinte resposta: “Meu Reino não é deste mundo. Se meu Reino fosse deste mundo, meus súditos teriam combatido para que não fosse entregue aos judeus. Mas meu Reino não é daqui” (Jo 18, 36). Jesus não é o Rei de um mundo de insegurança, mentira e pecado, Ele é o Rei do Reino de Deus.

Além disso, com sua própria vida, nos conduz ao reino de seu Pai e nos afirma que somos estrangeiros nesse mundo superficial. Mesmo sendo um reino diferente do mundo que vivemos, o Senhor nos concede as graças necessárias para o alcançarmos e ajudarmos outras pessoas a serem transformadas pelo amor.

A festa de Cristo Rei celebra então, Cristo como o pastor que guia suas ovelhas ao caminho do Reino Celestial, para que não se percam no caminho e encontrem a graça desse Reino.

Podemos pensar que só chegaremos ao Reino de Deus após passar pela morte, mas a verdade é que o Reino já está instalado no mundo através da Igreja, que direciona ao Reino Celestial.

Uma vez encerrado o ano litúrgico na Solenidade de Cristo Rei, a Igreja se prepara agora para entrar no Advento, o tempo da espera pelo Nascimento do nosso Salvador.

Viva Cristo Rei!

Por Adora Comunicação

 

compartilhar

Posts Recomendados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *